sábado, 22 de setembro de 2012

Serão os juízos estéticos universais?

A propósito de juízos estéticos...

Não é verdade que os gostos não se discutem. O gosto é, precisamente, o que mais é discutível!



Mas por que é que, perante alguns objectos (estéticos) se forma uma (quase) unanimidade surpreendente?

Serão os juízos estéticos universais?



1 comentário:

  1. A universalidade não se resume ao gosto de alguns gatos pingados. O juízo estético, tal como o juízo ético-moral jamais poderão gozar de universalidade, eles são perspectivistas. Só os os ocidentais poderíam colocar a questão da universalidade desse tipo de juízos, pois a sua atitude é impor as determinações dos seus juízosa outrs formas de ver o mundo. Nós não suportamos o perspectivismo quando im9lica aceitar a diferença como legítima.

    ResponderEliminar

discutindo filosofia...

Creative Commons License
Os textos publicados neste blog por luisffmendes estão sob uma licença Creative Commons

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.