domingo, 23 de setembro de 2012

Πάτερ ἡμῶν - Pater Noster - Pai Nosso

A propósito de Pai Nosso, a oração que o Senhor nos ensinou


Líbera nos, quǽsumus, Dómine, ab ómnibus malis...
Livra-nos, vos suplicamos, Senhor, de todo o mal...

Mateus 6:
9 Οὕτως οὖν προσεύχεσθε ὑμεῖς·
Πάτερ ἡμῶν ὁ ἐν τοῖς οὐρανοῖς·
ἁγιασθήτω τὸ ὄνομα σου·
10 ἐλθέτω ὴ βασιλεία σου·
γενηθήτω τὸ θέλημα σου,
ὡς ἐν οὐρανῷ καὶ ἐπὶ γῆς[i]·
11 τὸν ἄρτον ἡμῶν τὸν ἐπιούσιον δὸς ἡμῖν σήμερον·
12 καὶ ἄφες ἡμῖν τὰ ὀφειλήματα ἡμῶν,
ὡς καὶ ἡμεῖς ἀφήκαμεν τοῖς ὀφειλέταις ἡμῶν.
13 καὶ μὴ εἰσενέγκῃς ἡμᾶς εἰς πειρασμόν,
ἀλλὰ ῥῦσαι ἡμᾶς ἀπὸ τοῦ πονηροῦ.[ii]

9 Então, orai desta forma:
“Pai nosso que estais nos céus;
Santificado seja o teu nome;
10 Venha o teu reino;
Seja feita a tua vontade,
Assim no céu e na terra;
11 O pão nosso de amanhã dá-nos hoje;
12 E perdoa as nossas dívidas,
Como nós também perdoámos aos nossos devedores.
13 E não nos leves à tentação,
Mas livrai-nos da perversão.[iii]


Lucas 11:
2 εἶπεν δὲ αὐτοῖς,  Ὅταν προσεύχησθε λέγετε,
Πάτερ, ἁγιασθήτω τὸ ὄνομα σου·
ἐλθέτω ἡ βασιλεία σου·
3 τὸν ἄρτον ἡμῶν τὸν ἐπιούσιον δίδου ἡμῖν τὸ
καθ’ ἡμέραν·
                        4 καὶ ἄφες ἡμῖν τὰς ἁμαρτίας ἡμῶν,
καὶ γὰρ αὐτοὶ ἀφίομεν παντὶ ὀφείλοντι
ἡμῖν·
καὶ μὴ εἰσενέγκῃς ἡμᾶς εἰς πειρασμόν.

2 Mas ele disse-lhes: “Quando orardes dizei:
            Pai, santificado seja o teu nome;
                        Venha o teu reino;
                        3 O pão nosso de amanhã dá-nos
                                   Cada dia;
                        4 E perdoa as nossas faltas,
                                   Como também nós perdoamos todos os que estão em dívida
                                               Connosco;
                        E não nos leves à tentação.”


Vulgata, Mateus 9 :
9 sic ergo vos orabitis Pater noster qui in caelis es sanctificetur nomen tuum
10 veniat regnum tuum fiat voluntas tua sicut in caelo et in terra
11 panem nostrum supersubstantialem da nobis hodie
12 et dimitte nobis debita nostra sicut et nos dimisimus debitoribus nostris
13 et ne inducas nos in temptationem sed libera nos a malo

9 Então, deveis orar assim: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome;
10 Venha o teu reino, faça-se a tua vontade, assim no céu e na terra;
11 O pão nosso de cada dia[iv] dá-nos hoje;
12 e perdoa-nos as nossas dívidas assim como também nós perdoámos aos nossos devedores;
13 e não nos leves em tentação, mas liberta-nos do mal.

Vulgata, Lucas 11:
2 et ait illis cum oratis dicite Pater sanctificetur nomen tuum adveniat regnum tuum
3 panem nostrum cotidianum da nobis cotidie
4 et dimitte nobis peccata nostra siquidem et ipsi dimittimus omni debenti nobis et ne nos inducas in temptationem

2 E disse-lhes: “Quando orardes dizei: Pai, santificado seja o teu nome, venha o teu reino;
3 pão nosso de cada dia dá-nos cada dia;
4 e perdoa-nos os nossos pecados como também perdoamos a todos os que nos devem, e não nos leves em tentação.”


Missale Romanum

Pater noster, qui es in caelis: sanctificetur nomen tuum; adveniat regnum tuum; fiat voluntas tua, sicut in caelo, et in terra. Panem nostrum cotidianum da nobis hodie; et dimitte nobis debita nostra, sicut et nos dimittimus debitoribus nostris; et ne nos inducas in tentationem, sed libera nos a malo.

Pai nosso, que estás nos céus: santificado seja o teu nome; venha o teu reino; seja feita a tua vontade, assim no céu e na terra. Dá-nos hoje o pão nosso de cada dia; e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos os nossos devedores; e não nos leves em tentação, mas livra-nos do mal.



Segundo o Catecismo da Igreja Católica – número 2759.
Em latim:
Pater noster qui es in caelis:
sanctificetur Nomen Tuum;
adveniat Regnum Tuum;
fiat voluntas Tua,
sicut in caelo, et in terra.
Panem nostrum cotidianum da nobis hodie;
et dimitte nobis debita nostra,
sicut et nos dimittimus debitoribus nostris;
et ne nos inducas in tentationem;
sed libera nos a Malo.

Em Português:
Pai Nosso que estais nos céus,
santificado seja o vosso Nome,
venha a nós o vosso Reino,
seja feita a vossa vontade assim na terra como no céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje,
perdoai-nos as nossas ofensas
assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido,
e não nos deixeis cair em tentação,
mas livrai-nos do Mal.

Outras versões em latim:

Outras versões em português:




[i] Ou: “Como no céu também na terra.”
[ii] Algumas versões (seis vezes nos Padres da Igreja, atestadas uma vez) acrescenta-se ὅτι σοῦ ἐστιν ἡ βασιλεία καὶ ἡ δύναμις καὶ ἡ δόξα εἰς τοὺς αἰῶνας· _ : pois teu é o reino e o poder e a glória para sempre: ámen.
[iii] Agostinho acrescenta ἀμήν: ámen.
[iv] Literalmente: necessário para suportar a vida.

Sem comentários:

Enviar um comentário

discutindo filosofia...

Creative Commons License
Os textos publicados neste blog por luisffmendes estão sob uma licença Creative Commons

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.