terça-feira, 22 de maio de 2012

O Universo Num Átomo

A propósito da convergência entre a ciência moderna e o Budismo


"Há uma máxima na filosofia budista segundo a qual manter um dogma que contraria a razão é minar a credibilidade de quem o faz; contrariar a evidência empírica é um erro ainda maior".
"Houve um Big Bang ou houve vários? Existe um universo ou existem muitos, ou mesmo um número infinito? O universo é finito ou infinito, como afirmam os budistas? O nosso universo ir-se-á expandir indefinidamente ou a sua expansão abrandará, e chegará mesmo a inverter-se, de tal modo que no final acabará num big crunch? O nosso universo faz parte de um cosmos que se reproduz eternamente? Os cientistas debatem estas questões intensamente."


Tendo discutido com alguns dos maiores nomes da ciência, as teorias e a recolocação moderna de alguns dos mais antigos problemas, Sua Santidade O Dalai Lama aborda neste livro, O Universo Num Átomo, muitas das mais actuais questões da ciência. Interpelando as teorias da Relatividade e da Mecânica Quântica, dialogando com a ciência actual, este livro expõe os problemas e debate as respostas, faz relações entre o que a ciência nos diz e o que o Budismo diz há milhares de anos...

Ciência e espiritualidade, Budismo, religião e ciência, crença e investigação, o novo e a tradição, sabedoria e conhecimento: este livro é, simultaneamente, um livro de divulgação científica e de divulgação do Budismo em geral, e do Budismo Tibetano em particular, tendo como autor uma autoridade, na verdadeira acepção do termo!

A sua mente lúcida, o seu espírito crítico, nada supersticioso, nada melancólico, ainda menos melodramático, trata de assumir a ciência e o seu espólio, sem espoliar a tradição da qual é o máximo representante.

Sem comentários:

Enviar um comentário

discutindo filosofia...

Creative Commons License
Os textos publicados neste blog por luisffmendes estão sob uma licença Creative Commons

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.