segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

inocência

A propósito de inocência

A inocência cora perante o indecente. Mas se é inocência, então cora de quê?

Se cora da indecência, então tem uma concepção do bem e do mal, a culpa está presente - e não é inocência. Se fosse inocência não tinha por que corar. O aborígene que anda nu não cora da nudez, como é evidente, porque para ele não há mal nenhum nela. É, portanto, inocência relativamente à nudez - a nudez é para ele uma forma de andar vestido.

Sem comentários:

Enviar um comentário

discutindo filosofia...

Creative Commons License
Os textos publicados neste blog por luisffmendes estão sob uma licença Creative Commons

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.